Capa ou Sinopse?

E aí meus baixinhos queridos! Tudo bem com vocês? Hoje vim conversar sobre um assunto que todos nós leitores ficamos pensando na hora de comprar um livro "Como pela CAPA ou pela SINOPSE?".


Como a maioria de vocês sabem os livros são divididos em categorias "fantasia, romance, ficção, etc" e além disso são julgados por mais um fator que é a APRESENTAÇÃO. Muitos não falam, mas julgam sim o livro pela capa "eu sou um deles", acho que a capa diz tudo sobre a obra. Se ela não for bem feita eu não levo para casa e é raríssimo quando leio a sinopse por que não gosto de saber da história antes do momento, gosto de ser pego de surpresa tanto se for bom quanto se for ruim.

Além do mais! Quando colocamos um novo livro em nossa estante o que estará aparecendo é a arte em si e quanto mais linda, mais bonita será a aparência da estante... Tem histórias que a capa é linda e o conteúdo não tem nada haver com o que foi apresentado, outras onde o conteúdo é bom e a capa não coincide com a arte e também a capa pode até ter sentido com a escrita, mas o enredo em si é ruim.

Darei o caso de...

O Feiticeiro de Terramar
Há quem diga que o feiticeiro mais poderoso de todos os tempos é um homem chamado Gavião. Este livro narra as aventuras de Ged, o menino que um dia se tornará essa lenda.
Ainda pequeno, o pastor órfão de mãe descobriu seus poderes e foi para uma escola de magos. Porém, deslumbrado com tudo o que a magia podia lhe proporcionar, Ged foi logo dominado pelo orgulho e a impaciência e, sem querer, libertou um grande mal, um monstro assustador que o levou a uma cruzada mortal pelos mares solitários.
Publicado originalmente em 1968, O feiticeiro de Terramar se tornou um clássico da literatura de fantasia. Ged é um predecessor em magia e rebeldia de Harry Potter. E Ursula K. Le Guin é uma referência para escritores do gênero como Patrick Rothfuss, Joe Abercrombie e Neil Gaiman.

Que a principio pela belezura que é a capa, você fica animado para ler e desfrutar da história pensando que ela é demais, mas quando você vê se depara com um conteúdo voltado mais para o público infantil do que para o jovem-adulto.

Não acaba por aí! O problema não é ser voltado para o público infantil e sim pela forma que a autora escreve que é superficial e não dá sentido a história. Pode-se notar que ela não queria escrever aquilo ali e isso me decepcionou e muito. Quem viu minha RESENHA sabe muito bem que dei duas estrelas pra essa obra e ainda disse que a autora nunca devia ter lançado uma fantasia. Para o meu desgosto ainda compararam com os livros de Harry Potter "vê se pode", achei uma ofensa as obras da tia Rowling, mas fazer o quer é a vida.

Agora vamos mudar o rumo dessa postagem! De capa bonita e conteúdo ruim vamos para a sinopse, cuja, acho que vocês não sabiam, mas quando eu comecei nessa blogosfera o primeiro livro que li foi Percy Jackson e o Ladrão de Raios que fui pela sinopse e acabei amando, pois tudo tem sentido com o que diz ali.

Um outro que fui pela capa e pela sinopse é Picta Mundi que me deixou sem chão me fazendo delirar de quanto foi boa a leitura "tem resenha de Picta Mundi aqui no blog é só conferir".


E temos as três questões juntas que são Capa, Sinopse e conteúdo quando os três se unem não tem Cristo que segure, pois deixa qualquer um de boa aberta e de cara no chão. É o caso do livro...


O livro lindo que faz qualquer um delirar! Até hoje estou sem reação e olha que faz meses que li e resenhei aqui no blog para vocês... Em geral era isso que eu tinha para falar desse assunto.


Comentem aí em baixo se preferem Capa ou Sinopse e se for a sua primeira vez aqui no blog, lhe convido a seguir, se inscrever no canal, curtir a página do blog lá no Facebook, me seguir no "Twitter" "Pinterest" "Instagram" "Amino" "Snapchat" e me adicione no Skoob.

No mais é isso, muito obrigado pela sua atenção e até a próxima. Tchaau
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Oi. Compro pela sinopse. Claro que qdo a capa é linda, acabo me influenciando, hehe, mas tenho que gostar da sinopse.

    ResponderExcluir