Novembro Azul [2016]

E aí meus baixinhos queridos! Tudo bem com vocês? Comigo tudo ótimo.
Como foi com o mês de outubro que é o mês da prevenção do câncer de mama, agora é a vez de alertarmos os homens sobre o câncer de próstata, cuja, este mês é conhecido como NOVEMBRO AZUL. Para isso chamei uma equipe para juntos indicarmos alguns livros com a cor deste alerta e assim incentivarmos os homens à não terem vergonha.


Antes de mais nada vamos falar um pouco sobre o Novembro Azul? É uma campanha de conscientização realizada por diversas entidades no mês de novembro dirigida à sociedade e, em especial, aos homens, para conscientização a respeito de doenças masculinas, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata. O movimento surgiu na Austrália, em 2003, aproveitando as comemorações do Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, realizado a 17 de novembro.

No Brasil, o Novembro Azul foi criado pelo Instituto Lado a Lado pela Vida, com o objetivo de quebrar o preconceito masculino de ir ao médico e, quando necessário, fazer o exame de toque, e obteve ampla divulgação. Em 2014, o Instituto realizou 2.200 ações em todo o Brasil, com a iluminação de pontos turísticos (como Cristo Redentor, Congresso Nacional, Teatro Amazonas, Monumento às Bandeiras), adesão de celebridades (Zico, Emerson Fittipaldi, Rubens Barrichello), ativações em estádios de futebol, corridas de rua e autódromos, além de palestras informativas, intervenções em eventos populares e pedágios nas estradas.




Por mais que façamos brincadeiras essa doença é muito séria, vamos alertar todos os homens sobre esse assunto... Diga NÃO ao câncer de próstata e sim ao exame! Agora iremos indicar alguns livros e esperamos que gostem.

EU
Já contei diversas vezes sobre esse livro! Nele conhecemos a vida de uma garota que vive em um mundo onde todos são julgados pela cor de seus olhos e divididos em cinco vocações "como é com divergente que é com facções", mas nessa história à algo por traz que ateroriza todo mundo e muda o rumo dos acontecimentos... Para saber mais, confiram minha RESENHA.


Tati do tatiiicsouza
Kristin Hannah tem o dom de acabar com o coração de seus leitores, esse foi um dos poucos livros que me fez chorar nos últimos anos.

Tully foi abandadonada muito nova e viveu muito tempo com sua avó, até que conheceu sua melhor amiga Kate. Cresceram juntas, compartilharam segredos e não se desgrudaram. Kate formou sua família, Tully vivia pra carreira, eram muito diferentes mas o amor e a amizade podem superar qualquer coisa. Um livro lindo, cheio de amor, aprendizados, amizades. Nos mostra que não somos perfeitos, mas que se temos amigos podemos vencer qualquer coisa.

Pedro do Cais da Leitura
Se alguém me perguntar... Pedro, qual livro durante toda sua vida de leitor marcou você? Minha resposta seria: Acho que não só a minha, como também, de vários outros leitores que chegaram a ler esse livro. A Culpa É das Estrelas. E, para quem ainda não leu, recomendo que leia!
O que você faria se descobrisse que estivesse doente. E que essa doença fosse um câncer? Vamos um pouco mais, além disso... Você descobriu que está doente essa doença é um câncer, e esse câncer esta na fase terminal. Sem chances de cura! O que você faria da sua vida? Esse é um dos tipos de reflexão que encontramos no livro do autor JOHN GREEN.
Confesso que minha leitura foi levada pela modinha do momento. Todo mundo falava super bem do livro, que a história era comovente, e super arrebatadora. No inicio não dei muitas esperanças, pois o autor era pouco conhecido no Brasil com suas obras. Mas tive a grande surpresa ao ler.
Ao ler o livro me deparo com uma garota chamada Hazel Grace, uma adolescente de 16 anos, que tem um câncer de tireóide desde os 13 anos de idade. E para amenizar esse sofrimento, ela decide não viver cercada de pessoas, tenta se manter distante o máximo para que não sofram quando chegar sua partida. Por mais que ela participe de um grupo de apoio a adolescentes com câncer, mas se mantém alheia das pessoas. Embora tudo isso esteja acontecendo, Hazel continua sendo uma adolescente bem humorada gostando de estar com sua família, lendo livros e assistindo filmes.
A vida de Hazel muda quando ela conhece Augustus Waters, um adolescente de 17 anos, ex-jogador de basquete que teve uma das pernas amputadas por causa do osteosarcoma. Augustus é um garoto bonito e bem humorado. Acredita acima de tudo na vida. Não deixa com que ninguém o ponha para baixo e, muito menos, sinta pena da sua situação. Os dois se apaixonam e tentam fazer de seus dias, dias felizes para a situação que se encontram. Vivem grandes aventuras com muitas surpresas ao longo do livro.
O grande triunfo do livro é a maneira como a história é narrada pelo autor. John Green consegue narrar a trama de maneira leve e sutil, prendendo o leitor em cada capitulo do livro. O relacionamento de Hazel e Gus foge um pouco do comum, mas não deixa por desejar. Hazel sente-se protegida e amada e livre quando esta com Gus, pois sua pespectiva de vida e seus pais o prendiam muito.
O livro teve uma adaptação cinematográfica. Confesso que ainda não assisti ao filme, pois tive tantas decepções com os livros que foram adaptados para o cinema que o medo da historia linda que li, e personagens que criei em minha cabeça, fugissem completamente do que havia lido.
De maneira geral, amo o livro e ainda terei coragem de assistir o filme, pois quem assistiu e leu disse que ambos são bons demais. Mas nunca o livro me fez chorar tanto, como chorei lendo A Culpa é das Estrelas.

"E percebi... bem agora... que Deus nos dá a parte feia, para que possamos dar valor à parte bonita da vida."

O livro nos conta a história de Tate e Miles. Um romance que traz um passado misterioso de um dos personagens, uma narrativa incrível e aquele leve toque especial de Collen Hoover que nos faz querer ficar em posição fetal, encarando a parede, sem saber qual o sentido da vida.

Erika do k_paaaiin
É uma parábola que revela verdades profundas sobre mudança. Dois ratinhos e dois homenzinhos vivem em um labirinto em busca de queijo -- uma metáfora para o que se deseja ter na vida, de um bom emprego à paz espiritual. Um deles é bem-sucedido e escreve o que aprendeu com sua experiência nos muros do labirinto. As palavras rabiscadas nas paredes ensinam a lidar com a mudança para viver com menos estresse e alcançar mais sucesso no trabalho e na vida pessoal. Quem Mexeu no Meu Queijo? é uma leitura rápida, mas suas idéias permanecerão por toda a vida.

É realmente edificante este livro. Super recomendo para que você saia da sua zona de conforto ou então perceba se está em uma.

Luciana do literalu
É um livro de aventura ambientado na Índia. É o primeiro de uma saga de 5 livros, escrito pela autora Colleen Houchk. Ele conta a história de dois príncipes indianos que foram transformados em tigres por um feiticeiro e de uma garota de aproximadamente 18 anos que basicamente é quem vai ajuda-los a quebrar o feitiço.
A Maldição do Tigre foi um dos melhores livros que eu li em 2015, e aliás eu gostei muito da saga inteira. A autora foi bastante feliz na escolha e elaboração da história por ter utilizado a mitologia hindu e a Índia como plano de fundo, já que esse é um tema pouquissímo utilizado. Eu que não conheço quase nada sobre isso, quando terminei a leitura e até mesmo durante ela, acabei pesquisando algumas coisas na internet. Colleen descreve ricamente sobre lugares e a mitologia hindu. Mas uma coisa me incomodou bastante, a “heroína” da história. Uma personagem chatíssima, para dizer o mínimo. Ela não conseguiu me cativar em momento algum, nem mesmo quando fazia a coisa certa. Em alguns momentos, apesar da minha pouca esperança, torci muito para que ela não ficasse com nenhum dos príncipes. Kkk
Em contrapartida os príncipes, tanto em sua forma humana como em forma de tigres, são muito cativantes, o livro é incrível, muito gostoso de ler. Impossível não se apaixonar por eles. Enfim a história é linda, envolvente, o mundo criado por Colleen é encantador mesmo.
A autora está de parabéns. Super recomendo.


Esse povinho que indicaram livros, fazem parte do Grupo Literário Oxente Literária que participo no Whatsapp! Eu gostaria de agradecê-los por se prontificarem a virem aqui incentivar os homens sobre esse assunto.

Novamente relembrando, homens esse exame não é brincadeira... Você não deixará de ser um por fazer o toque, você estará é cuidando de sua vida por que o câncer é o que mais mata as pessoas e ninguém quer partir dessa vida antes da hora não é mesmo? Por isso tome coragem e vá a seu médico e faça o que ele pedir, assim que você tiver a resposta que não tem essa doença, ficará muito aliviado.



Então é isso pessoal, espero que tenham gostado dessa postagem, comentem aí em baixo o que acharam das indicações e se for a sua primeira vez aqui no blog, lhe convido a seguir, se inscrever no canal, curtir a página do blog lá no Facebook, me seguir no "Twitter" "Pinterest" "Instagram" "Amino" e me adicionem no Skoob.

No mais é isso! Muito obrigado pela sua atenção e até a próxima. Tchaau
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário